Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Conflitos

Uma das reações mais comuns quando duas crianças tem algum conflito é o adulto soltar um "pede desculpas!" logo de cara. A criança vai, olha pro teto, fala "desculpa" como quem mata um mosquito sem ver e pronto, a vida segue seu rumo.

Mas aí tem uma coisa que acaba acontecendo que eu não gosto muito - a desculpa vira automática, e álibi perfeito pra tudo. Tá lá o menino andando, empurra o outro de implicância; o empurrado chora, reclama; o empurrão olha pra professora e fala logo um "Desculpa!", enquanto continua andando e empurra o próximo.

Pois bem. Comigo não, tenho outra tática.

A ideia não é minha, claro. Vi outras professoras fazendo, e funcionando, e acho que vem da dona Maria Montessori (pausa pro suspiro de fã). Vou contar um caso que aconteceu ano passado, que ilustra bem o exemplo.

Duas meninas brigam por algum motivo. Uma delas sai de braços cruzados, cara fechada, passos largos e rápidos, furiosa indo embora do parquinho. A outra vem atrás e …

círculo

desde semana passada que tenho pensado muito no que é ser mulher. na força que isso tem. e pela primeira vez me senti muito conectada a todas as outras mulheres do mundo... uma ligação sem muita explicação, mas boa de ser sentida.

e aí lembrei de um texto curto que escrevi um tempo atrás:


nisso tudo, as amigas me salvam. é como se elas fossem salva-vidas, me puxando do redemoinho quando eu acho que vou afogar.

elas me tiram do mar brabo, me colocam na areia, me ajudam a respirar e me dão carinho e apoio.

elas são como anjos da guarda, cuidando de mim. me olhando com ternura e compreensão, criando uma rede mágica que me ampara e me protege. e eu sou tão grata a elas...



obrigada, mulheres lindas e fortes da minha vida!